“Vão e anunciem isto: O Reino do céu está perto”.  Mateus 10. 7


Vão e anunciem isto! O lema do mês de agosto contém uma ordem dada aos doze discípulos de Jesus: Anunciar o Reino de Deus. 

Nos relatos bíblicos vemos que em diferentes ocasiões Deus chamou e vocacionou pessoas para anunciarem a sua mensagem. Esse chamado é válido para todos nós hoje. Ide pelo mundo anunciando o Evangelho.... (Mateus 28. 19-20) Esta é a missão da Igreja, sendo também a missão de cada um e de cada uma de nós. 

Jesus atraiu muitas pessoas com a sua mensagem de esperança, de novos tempos, quando haveria justiça e paz. Jesus curou muitas pessoas, acolheu os estrangeiros e os pecadores. Esta é a mensagem do Evangelho. Esta é a promessa do Reino de Deus, conforme 2 Pedro 3.13: “Nós, porém, segundo sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, nos quais habita justiça”. 

Ainda vivemos nessa promessa. O Reino de Deus não pode ser experimentado em sua plenitude, mas podemos ver sinais do Reino aqui entre nós. 

Jesus não tinha a pretensão de atuar sozinho. Ele queria que as pessoas que o ouviam e aprendiam com ele se tornassem também anunciadores da mensagem. Por isso, ele as envia e envia também a nós. 

O anúncio da mensagem está ligado à ação. Como colaboradores e colaboradoras do Reino, é preciso também viver de acordo com a mensagem, ou seja, promover vida digna para todas as pessoas, lutar contra situações de injustiça e opressão, bem como promover a paz e o amor orientados pela fé. 

Um ouvido disposto a ouvir; um abraço solidário; um gesto de acolhida; uma oração por alguém em dificuldade. Pequenos gestos de solidariedade em direção a quem está próximo pode parecer insignificante neste mundo que está cada vez mais individualista, mas fazem grande diferença na vida de quem os recebe. Isto tudo não é comportamento exclusivo dos cristãos. Os cristãos, no entanto, estão comprometidos com essas atitudes, devem empenhar-se neste sentido. A comunidade cristã tem uma tarefa: de agir de maneira terapêutica no mundo e de promover a vida, vida digna para todas as pessoas. Só uma coisa não é possível: Não fazer nada. Estar acomodado.  

Se essa e tarefa de todos e todas nós, vale a pergunta: Como estamos nos engajando na missão recebida de Deus? 

Deus nos chama e também nos capacita com dons, talentos e sabedoria para que possamos ser seus colaboradores e colaboradoras no anúncio do evangelho e na prática da fé. Que possamos sempre seguir os exemplos deixados por Jesus Cristo, servindo a ele e sendo capazes de grandes transformações por meio de nossos gestos e atitudes e, assim, o Reino de Deus pode ser experimentado aqui e agora. Amém


Pa. Elisa Fenner Schröder Webber

Comunidade Bom Pastor – Esteio


Fale conosco

Olá! Envie sua mensagem através do formulário abaixo.

Contato

Rua Amadeo Rossi, 467 - Prédio B Morro do Espelho - São Leopoldo - RS

(51) 3589 3821 / (51) 3134 1180

secretaria@sinodors.org.br